De tudo um pouco

VaydaMagra: (re)começando uma dieta


Começar já é difícil, imagina recomeçar? Quando o recomeço está ligado a uma dieta, viiiixe… aí é muito pior! As pessoas adoram julgar, dizer o que podemos ou não, vomitar aquele monte de regra, mas esquecem que nós somos seres humanos e, ainda bem, muito diferentes um dos outros.

A serenidade no olhar de quem está de saco cheio de dar satisfação sobre seu peso para quem só critica.

Quem me acompanha há algum tempo sabe que já passei por um processo de reeducação alimentar, com direito a quase 20 quilos a menos. Entretanto, não me reeduquei de verdade e acabei abrindo mão daquilo que conquistei e voltei a engordar outra vez. Na real, apenar de ter tido muito sucesso na minha dieta, estava depositando expectativas que não eram minhas em minhas ações e, acredito que isso tenha me prejudicado muito. Durante o tempo que me dediquei a emagrecer, também expus boa parte dos meus sofrimentos, lamúrias e muito da minha intimidade. Não sei se fiz tão certo… mas hoje eu sei que posso ser melhor e fazer diferente. 

Eu, em um surto, me tornando corredora. Não deu certo, mas foi até que legal.

Eu, em um surto, me tornando corredora. Não deu certo, mas foi até que legal.

Quando me olho no espelho não sofro como sofria antes… claro, não estou nem perto daquilo que sempre sonhei, mas hoje estou mais madura e consigo enxergar quem eu realmente sou e não aquilo que querem que eu seja.

Recomeço meu processo de emagrecimento e dieta, hoje, com mais serenidade e sem o menor desespero. Não quero me tornar a nova Gisele Bundchen, muito menos ser uma subcelebridade fitness, quero apenas conseguir comprar uma calça jeans sem ter que chorar porque não encontro um número que me caiba perfeitamente. E só resolvi compartilhar isso porque sei que vocês também podem estar passando por isso e também precisam de força para aguentar o falatório alheio (digo também porque foi só anunciar que estava me organizando para perder uns quilinhos que já começaram as sessões de “ain…mas outra vez…?”. Vou precisar muito do apoio de vocês!).

Então, se você está disposto ou disposta a recomeçar pela centésima vez, te convido a me dar a mão e vir comigo: sem expectativas, sem pressa, apenas dando uma passo por vez. Topa?

Não vou ser a chatona que fica compartilhando prato de comida na sua timeline, quem quiser acompanhar esse meu momento pode me seguir no @vaydamagra no Instagram, no snapchat carolvayda e acompanhar semanalmente minhas experiências aqui no blog. Vamos tornar isso mais simpático e agradável, acho mais fácil também!

instagram.com/vaydamagra

instagram.com/vaydamagra

Mas antes de me seguir, conta pra mim sua história, quantas vezes você já recomeçou, se já teve algum resultado ou se, até mesmo, caso você não precise perder alguns quilinhos, mandar uma mensagem de apoio para mim e para quem segue o blog. Vai ser legal ter vocês por perto neste momento tão delicado.

Postagem Anterior Próxima Postagem

Você Tambem vai gostar



Sem Comentários

Deixe um Comentário